Desenho de cabeça com pessoas a pescar dentro dela

O Museu Bordalo Pinheiro acolhe parcerias com instituições de ensino, com vista à criação de lugares de partilha de pensamento sobre a sociedade em que vivemos, tendo por inspiração a visão artística e crítica humorística de Rafael Bordalo Pinheiro.

Neste lugar de troca contínua, os participantes (mediadores do museu, professores e alunos) irão construir dinâmicas de trabalho assentes na liberdade de pensamento e de expressão, exercício crítico, argumentação e debate, tendo o humor como pano de fundo.

O objetivo é compreendermos as causas que urge defender ou reivindicar, enquanto indivíduos e sociedade, e dar-lhes voz, através de um projeto final que pode assumir a forma de jornais, desenhos, ciclo de debates, mesas-redondas, exposições ou outros suportes, com vista à divulgação de mensagens coletivas usando diferentes linguagens – palavra, desenho, teatro, vídeo, fotografia, performance ou escultura.

O projeto Estado Crítico está aberto a todas as escolas de ensino secundário, mediante disponibilidade desde que as escolas enviem uma proposta nesse sentido entre setembro e novembro de 2021.

Museu Bordalo Pinheiro

Requer marcação prévia
Nível de Ensino
Secundário
Duração
Uma sessão de duas em duas semanas no âmbito do trabalho curricular
Data
Ano letivo – outubro 2021 a maio 2022
Conceção
Mediadores SE Museu Bordalo Pinheiro
Realização
Mediadores SE Museu Bordalo Pinheiro