Inundação e fogo na Lisboa do terramoto de 1755

A 1 de novembro de 1755, em Lisboa, a terra tremeu, o mar invadiu a cidade, ruíram edifícios e arderam inúmeras riquezas. Os seus habitantes descobriram que a cidade era pouco segura: ruas apertadas, construções perigosas, muitos materiais inflamáveis. Através de um manuscrito anónimo vivencia-se o dia 1 de novembro de 1755 e constata-se a reação de figuras importantes perante a catástrofe do século! Como foi pensada a cidade? Quais as soluções encontradas? Que edifícios construir para resistir a terramotos? No final, constrói-se um edifício pombalino.

6.º ano do 2.º ciclo

Ciclo temático

Arquivo Municipal de Lisboa | Fotográfico

Requer marcação prévia
Nível de Ensino
2.º Ciclo, 3.º Ciclo
Duração
90’
Data
Ano letivo, de terça a sexta, às 9h30 e às 16h
Número de Participantes
Máximo 1 turma, mínimo 10 alunos
Preço
Gratuito
Local
Arquivo Municipal de Lisboa – Fotográfico, Escola ou sessão síncrona
Conceção
Ana Brites, Ana Loureiro, Filipa Ribeiro Ferreira, Vitória Pinheiro
Realização
Ana Brites, Ana Loureiro, Filipa Ribeiro Ferreira, Vitória Pinheiro